Ela dança



E ela dançava e cantava uma alegria que nenhum passante jamais compreenderia, na beira da estrada de pés descalços, com uma vontade enorme de fazer música com o vento.
                                 Samara Santos

Um comentário

  1. E cada sopro, cada brisa soava uma nota na partitura de sua alma.

    ResponderExcluir